Aftas na boca – soluções e tratamentos

Aftas na boca – soluções e tratamentos

As úlceras orais, também conhecidas como úlceras aftosas, ou mais populares como aftas, são lesões comuns da mucosa oral.

Elas são lesões benignas que geralmente não causam grandes complicações, além do seu típico desconforto.

Vale lembrar que algumas enfermidades mais graves da cavidade oral podem apresentar lesões ulceradas similares, o que pode confundir o indivíduo. Como exemplo, podemos citar o câncer nesta região, que em suas etapas iniciais pode se parecer com uma afta.

A afta é uma úlcera que pode aparecer em qualquer ponto da cavidade oral, como lábios, garganta, gengiva, língua, úvula, entre outras partes. São esbranquiçadas, ovais, limpas, que não apresentam pus, bactérias, entre outras manifestações de infecção. Elas podem ser múltiplas ou únicas, grandes ou pequenas. É interessante citar que todo mundo já teve ao menos uma afta ao longo de sua vida.

20% da população têm aftas recorrentes e o problema é mais comum em pré-adolescentes, adolescentes e adultos jovens, e tende a reduzir a sua incidência ao longo dos anos.

Causas

Screenshot_2016-03-15-12-37-48_1

Estresse psicológico

Refluxo gastroesofágico

Alimentos como café, refrigerantes, chocolate, abacaxi e tomate

Mudanças hormonais durante o período menstrual

Pastas de dentes que possuem sódio-lauril-sulfato

Tratamento

Não existe um tratamento milagroso para o problema da afta. Isso porque como ela geralmente dura até duas semanas, os tratamentos atuais procuram acelerar o processo da cicatrização da região lesionada. Mas, você pode apelar para alguns tratamentos naturais, como consumir bebida alcalinizante ou beber dois goles de chá de boldo, losna ou carqueja, de três a quatro vezes por dia.

Você também pode fazer bochechos com chá forte de salva ou alfavaca, duas vezes ao dia. Caso tenha jabuticabas em casa, espreme-as e cozinhe o suco. Depois, basta coar e bochechar a bebida várias vezes ao dia.

Outra alternativa é consumir por diversos dias, no almoço e jantar batata cozida com legumes, como vagem, cenoura e brócolis. Comece com a cenoura crua e mastigue bem. Aplique sobre a região o suco puro de cenoura. No desjejum mamão e maçã. Já nos intervalos caso esteja com fome, consuma maçã. Procure também mastigar folhas tenras do abacateiro, muito bem lavadas ou aplicar na área lesionada o sumo dos brotos do cajueiro.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*