Ótimo método de limpar, tirar manhas e ácaros do colchão. Fique por dentro!

Ótimo método de limpar, tirar manhas e ácaros do colchão. Fique por dentro!

Como limpar colchão parece uma missão complicada a primeira vista.

Em primeiro lugar pelo conceito: excetuando-se casos de acidentes e manchas, por quantas vezes você já pensou em fazer este tipo de limpeza? Acredito que, para a maioria das pessoas, pouquíssima vezes a ideia de limpar colchao periodicamente tenha passado pela cabeça.

Em segundo lugar vem a questão prática: ao lidar com um bem de dimensões (e valores) tão grandes, será que posso realizar esta tarefa com facilidade e rapidez?

As respostas a estas duas perguntas são positivas.

Sim, limpar colchao periodicamente é um hábito que deve ser incorporado à rotina de uma casa para garantir saúde e bem estar a todos que nela moram.

E sim, a limpeza pode ser realizada de uma forma eficiente e caseira, sem grandes complicações, utilizando o bicarbonato de sódio. Este produto mágico e simples, altera o pH da superfície do colchão e o higieniza de modo eficiente, removendo odores e possíveis manchas.

Esta limpeza vai evitar ácaros e outros alérgenos, além de deixar seu colchão como novo.

 

INGREDIENTES

2 copos de vinagre

Aspirador

Escova

Bicarbonato de sódio

 

MODO DE PREPARO

Derrame o vinagre sobre todo o colchão. Com uma escova, esfregue suavemente. Ligue o aspirador e limpe.

Coloque o colchão para secar. Depois que estiver seco, parta para o passo seguinte.

Jogue bicarbonato de sódio por todo o colchão e aguarde 30 minutos. Passado esse tempo, use o aspirador mais uma vez para limpar.

Se quiser, jogue por cima do colchão algumas gotas de óleo essencial de lavanda (vende-se em lojas de produtos naturais). Para ficar cheirosinho!

Seu colchão acaba de ser higienizado e está livre de ameaças.

PS: é recomendável fazer isso pelo menos 1 vez ao ano!

 

*A prática de exercícios e uma dieta saudável são fundamentais para se ter saúde e ficar em forma. Este é um blog de notícias sobre tratamentos caseiros. Ele não substitui o acompanhamento de um especialista. Consulte sempre seu médico.

 

 

Fonte aqui:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *