Clara de ovo emagrece e reduz flacidez da pele, baixa a pressão…

Clara de ovo emagrece e reduz flacidez da pele, baixa a pressão…

Tratado durante muito tempo como um vilão, o ovo já mostrou que tem uma lista extensa de benefícios. O que provavelmente pouca gente sabe é que a clara do ovo ajuda a emagrecer e aumenta a produção de colágeno, deixando a pele mais firme.

A clara do ovo oferece sensação de saciedade

Segundo a especialista, a clara de ovo também atua na reparação, manutenção e desenvolvimento da massa muscular. Além disso, ela minimiza a flacidez da pele porque impulsiona a produção de colágeno no organismo.

O peptídeo foi exposto a uma temperatura de 90 graus.

O resultado foi incrível: um peptídeo tem a mesma potência de uma dose baixa de captopril.

Desde então, as pesqusias só fizeram avançar.

Descobriu-se também que a clara de ovo controla o açúcar no sangue, o que é ótimo para os diabéticos, além de reduzir o colesterol.

Ou seja, o ingrediente é muito benéfico à saúde e vale a pena consumi-lo regularmente.

Os ovos cozidos a temperaturas mais altas são melhores para baixar a pressão.

Essa informação é baseada no estudo, que submeteu o peptídeo a temperaturas mais altas.

Ainda segundo o líder da pesquisa, o efeito da clara frita é ainda maior, pelo menos nos ratos.

Infelizmente, a análise ainda não foi revisada por outros cientistas.

É necessário que haja análises em outros laboratórios, em busca de erros, má interpretação ou até mesmo incoerência na pesquisa.

Feito isso, finalmente a experiência pode ser feita em seres humanos.

Se tudo estiver certo, e a teoria confirmada,  a clara de ovo será um dos melhores remédios para combater a pressão alta.

Além de ser natural, econômica e prática, trata-se de uma alternativa sem efeitos colaterais.

O estudo não tem qualquer ligação com fabricantes de remédios ou indústria avícola.

Então podemos concluir que a possibilidade do experimento ter sido manipulado é bem pequena.

Este é um blog de notícias sobre tratamentos caseiros. Ele não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *