Suco maravilhoso para prisão de ventre e para saúde do intestino.

Suco maravilhoso para prisão de ventre e para saúde do intestino.

Mais de três dias sem ir ao banheiro, inchaço, gases, desconforto e irritação. Esses sintomas de intestino preso são bem conhecidos por quem sofre com o problema que afeta duas a cada três mulheres*. Dentre as principais causas da prisão de ventre, estão a má alimentação e o sedentarismo, mas questões culturais também entram na lista.

Muitas pessoas não se sentem confortáveis para ir ao banheiro fora de casa e acabam segurando ao máximo a vontade de evacuar, o que é um erro. Além disso, a correria do dia a dia leva a escolhas equivocadas na hora das refeições, fazendo com que legumes e frutas sejam deixados de lado e deem lugar a alimentos rápidos e pobres em nutrientes, como embutidos e industrializados.

Intestino preso engorda?

O intestino preso é um sinal de que seu corpo não está funcionando como deveria e, apesar de deixar a barriga inchada e provocar uma sensação de mal estar, não engorda. A porção inicial do órgão é responsável pela digestão de nutrientes, enquanto a parte do meio para o fim (onde as fezes ficam “paradas”) apenas absorve água.

Intestino preso: o que fazer e o que comer

Fibras, fibras, fibras. Elas são fundamentais para a formação e eliminação do bolo fecal, contudo, poucas pessoas ingerem a quantidade ideal. “O consumo de fibras recomendado para um adulto é de 25 gramas por dia, mas poucas pessoas alcançam esse número. Se consumirem 15 g é muito”, explica a nutricionista funcional.

Vamos deixar uma dica pra você que sofre deste problema, experimente e todos os seus problemas relacionados a prisão de vente terminarão.

INGREDIENTES

1 pera

1 ameixa sem caroço

1 xícara (chá) de espinafre picado

2 colheres (sopa) ou 2 cubos congelados de biomassa de banana verde (ver link da receita abaixo)

1 xicara (chá) de água de coco

Modo de preparo:

centrifugue ou liquidifique os ingredientes e sirva o suco imediatamente.

Fonte aqui:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*