Chá de aroeira com barbatimão pode ajudar a tratar de câncer a diabetes

Chá de aroeira com barbatimão pode ajudar a tratar de câncer a diabetes

O efeito combinado das duas ervas reforçam as propriedades de cura na hora de empregá-la a qualquer tratamento. Porém, é importante consultar o médico antes de incluir a receita no seu tratamento.

Propriedades da aroeira

A aroeira é uma planta que pertence à família das Anacardiaceae, que é bem abrangente: possui entre 60 e 80 gêneros, com mais de 600 espécies conhecidas. A mais indicada para o consumo é a aroeira mansa. Essa planta possui propriedades adstringente, balsâmico, cicatrizante, diurético, laxante, depurativo, afrodisíaco, tônico, antiespasmódico, emenagogo, antileucorreico, anti-inflamatório e bactericida.

Dessa forma, a aroeira pode ser usada no tratamento de reumatismo, febre, diarreia, gota, doenças sexualmente transmissíveis como leucorreia, ínguas e sífilis e dores ciáticas. Ela também entra como agente no tratamento de inflamações diversas e feridas. Além do mais, as propriedades diuréticas da planta auxilia quem tem problemas urinários. Dependendo do caso, o chá da aroeira pode ser usado na forma interna ou para banhos.

Propriedades do barbatimão

O barbatimão é uma espécie nativa dos cerrados brasileiros, presente nas regiões Sudeste e Centro Oeste. Seu nome científico é Stryphnodendron adstringens (Mart) Coville. Da planta se extrai a madeira, de cerne avermelhado, considerada resistente e durável, enquanto da casca se produz matéria tintorial vermelha, destinada no curtimento do couro. Esta planta também é utilizada na medicina popular pela presença de compostos farmacologicamente ativos e seus potenciais benefícios à saúde. A parte mais usada do barbatimão é a casca, da qual pode ser feito o chá

Os benefícios do barbatimão estão divididos de acordo com o material utilizado. Por exemplo, se as cascas forem utilizadas a planta pode auxiliar o tratamento de doenças na pele, úlceras, afecções na garganta, anemias, diarreia, hemoptises, gastrite, câncer e diabetes. Além disso, pode atuar no combate corrimento vaginal, gonorreia, catarro uretral e vaginal, leucorreia e hemorragia uterina.

Se a parte utilizada forem as folhas, é possível ter uma ação tônica no corpo, aumentando a vitalidade dos tecidos e deixando o organismo ainda mais revigorante. Além deste benefício, as folhas atuam aumentando a produção de urina e combatem a hérnia.

Como preparar o chá de aroeira com barbatimão

Ingredientes:

200 ml de água filtrada;

1 colher (de sopa) de folha de aroeira

1 pedaço de casca de barbatimão.

Modo de preparo:

Com ajuda de uma panela com tampa, coloque a água para ferver. Assim que começar a apresentar os primeiros sinais de ebulição, acrescente a aroeira e o barbatimão e deixe ferver por dois minutos. Passado esse tempo, desligue o fogo e espere cerca de 10 minutos. Lembre-se de permanecer com o recipiente tampado. Depois, basta coar a bebida.

Lembre-se:

Todo tratamento, mesmo que natural, deve ser acompanhado por um médico ou até mesmo ditado por este profissional.

 

Fonte aqui:

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *