Aprenda como fazer o suco rejuvelac e veja quais os seus benefícios

A bebida pode ser utilizada para otimizar as funções do sistema digestório, melhorando o funcionamento do estômago, fígado, intestino delgado e vesícula

Rejuvelac O que é?

Uma bebida enzimática, preparada com a fermentação de grãos, riquíssima em probióticos, vitaminas e sais mineiras que irá acelerar e potencializar a digestão, melhorando também o funcionamento do intestino.

Quais grãos usar?

Para preparar o Rejuvelac de 3 ciclos são utilizados os grãos com muito amido, como: arroz, trigo e centeio. Mas dê preferência ao preparo com o grão de arroz integral (se for orgânico é melhor ainda). Pois, além do arroz ser acessível à todos, ele não contém glúten que está presente nos grãos do trigo e centeio. Mesmo o glúten sendo um substância insolúvel em água, o rejuvelac preparado com trigo e/ou centeio pode ser inadequado aos celíacos (pessoas com intolerância ao glúten) devido a contaminação por arrastamento. Então é melhor evitar, né? Você também pode preparar a sua bebida fermentada com grãos com menos amido, como alpiste, painço, quinoa, amaranto e linhaça, porém será um Rejuvelac de apenas 1 ciclo.

Como fazer a receita de rejuvelac

A bebida é feita com grãos de trigo e água potável. Todavia, o rejuvelac também pode ser preparado com outros tipos de sementes. O primeiro passo é colocar uma xícara de grão de trigo em uma tigela e acrescentar meio copo de água, fazendo com que o ingrediente principal fique submerso no líquido. A esta etapa de produção chamamos de início da germinação. Durante oito horas, o recipiente deverá ficar tampado com um pano. Após o tempo determinado, a substância deve ser coada em uma peneira com bastante cuidado para que os grãos não retenham água entre eles, o que pode acarretar em casos de mofo. Por isso, é necessário deixar escorrer por mais oito horas. Neste processo, o trigo começa a dar sinais da germinação efetiva, uma vez que aparecem pontinhas brotando do grão. Vale ressaltar que nesta fase o clima influi bastante, caso estiver quente o processo é mais rápido, podendo iniciar antes de completar oito horas. Todavia, se a temperatura estiver baixa, poderá levar mais tempo. Depois de escorrer, as sementes de trigo são despejadas em um litro de água filtrada. Faz-se necessário tampar o recipiente com uma tela e armazená-lo em um local sem luz direta. O descanso da semente pode durar um tempo variável, entre um ou dois dias. É importante ressaltar que nas primeiras 24 horas a bebida já está pronta, em uma versão light. Todavia, se o consumidor prefere uma opção forte, o ideal é esperar 48 horas. O resultado deste preparo é um líquido de cor branca, indicando a fermentação da semente de trigo. Antes de utilizar, é preciso coar a bebida e armazená-la em uma garrafa com tampa. Ela pode ser levada para a geladeira, podendo durar até uma semana. Além disso, as sementes servem para a produção de mais rejuvelac, basta adicionar mais um litro de água e aguardar por 24 horas. Esse processo pode ser repetido uma terceira vez. Depois, os grãos podem ser jogados fora ou aproveitados como adubo de plantas.

Rejuvelac de Arroz Integral

Modo de preparo de 1 litro:

Coloque 1 xícara de arroz integral numa peneira e lave os grãos sob água corrente. Transfira o arroz lavado para um pote de vidro transparente e bem higienizado, e adicione ½ litro de água solarizada ou água filtrada de boa procedência. Tampe com um pedaço de voil (ou panela furada) e prenda com elástico, coloque num cantinho fresco da sua cozinha e deixe assim por 8 horas. Após esse tempo, transfira os grãos para a peneira, lave novamente sob água corrente. Deixe a peneira escorrendo com o arroz num cantinho fresco por 12 horas. Essa é a germinação no ar do arroz. Após a germinação, comece o 1º ciclo do  processo da fermentação sem ar: coloque os grãos de arroz no pote de vidro transparente e bem higienizado, e adicione 1 litro (4 xícaras) de água solarizada ou água filtrada de boa procedência. Tampe o frasco, apenas apoiando a tampa. Você também pode usar um pires ou um voil (panela furada) para isso. Mas nunca feche/vede totalmente o frasco! Deixe seu vidro com o arroz num lugar fresco em temperatura* ambiente por 24 horas. *Temperatura: o ideal para ocorrer a fermentação em 24 horas é o vidro permanecer numa temperatura entre 20 e 24ºC. Então, caso você esteja em um local com temperaturas diferentes dessas, não tem problema, é só observar a fermentação. Lugares com temperaturas muito quentes: procure deixar o vidro num local mais fresco da sua cozinha, mas a fermentação pode ser interrompida em menos de 24 horas.

Lugares com temperaturas mais baixas: procure deixar o vidro num pode ser interrompida com mais de 24 horas. Após as 24 horas, é necessário interromper a fermentação. Para isso, transfira o líquido do vidro para um garrafa, de preferência de vidro e que tenha tampa, com auxílio de um funil e um peneira. Esse líquido coado na garrafa já é o Rejuvelac de arroz, pronto para o consumo. Tampe bem a garrafa e guarde na geladeira. Consuma em 24 horas ou no máximo em 48 horas. Com o grão que sobrou na peneira, prepare o 2º ciclo do Rejuvelac. Para isso lave o arroz que está na peneira sob água corrente e coloque-o novamente no vidro já higienizado. Coloque 1 litro (4 xícaras) de água solarizada ou água filtrada no vidro, e repita os procedimentos citados a partir do item 7. Após coar o líquido do 2º ciclo, faça o último ciclo do seu Rejuvelac de arroz, siga o item 11 e repita os procedimentos do item 6 ao 10.

O que fazer com o arroz após o 3º ciclo?

Você pode cozinhar ele e consumir como arroz cozido normal, só que ele estará quase sem amido e com muitos probióticos! Mas a quantidade de água que você vai usar é menor, assim como o tempo de cozimento. E se quiser, faça melhor ainda, cozinhe os grãos de arroz rapidamente no vapor. Ah, e não esqueça de temperar da forma que achar mais saborosa! Eu adoro usar ervas e mix de temperinhos naturais.

Como ingerir esta bebida?

Rejuvelac deve ser consumido diariamente, podendo ser ingerido até três vezes ao dia. Para ser altamente eficaz não deve ser acrescido de açúcar ou adoçante, assim ficará como as bebidas industrializadas. Para melhorar o cheiro e o sabor, o consumidor pode espremer um limão em cada copo da bebida. A única restrição deste líquido é no caso dos diabéticos, que devem ingerir poucas quantidades que precisam ser diluídas.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *